Que não termine no novo nascer do Sol

Apesar de todos os temores gerados por uma noite escura e amedrontadora, meu corpo precisava de descanso. Deitei-me e permiti-me sonhar. Mesmo que não passasse de uma doce ilusão e talvez pudesse se transformar em uma amarga realidade, eu precisava alimentar esse sonho dentro de mim.

Entenda o meu medo, a minha insegurança; eu não queria me magoar e o meu erro foi me apegar demais a tudo. Meu erro foi sonhar demais. Não quero me enganar novamente, não quero que essas palavras que você me diz hoje sejam levadas com o vento. Me conquiste, mostre-me que é real. Faça-se real! Hoje eu só preciso de uma certeza: de que você me ama e de que nada disso é em vão.

Sonhei acordada com você, conosco. Era de madrugada. Mil e um sonhos meus já haviam se perdido na noite escura, e eu queria que pelo menos você permanecesse com o raiar de um novo dia e de todos os outros que viriam.

(Isadora Bersot)

Anúncios

2 pensamentos sobre “Que não termine no novo nascer do Sol

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s